sexta-feira, 29 de fevereiro de 2008

Exposição

Ontem estava conversando com a Myrian sobre os "links" que são criados cada vez que vemos uma pessoa, pensamos em algum coisa, enfim, nos links que são criados no plano astral, chame de lei da atração, sintonia, enfim, o que seja mas, uma coisa é fato, quando estamos na mesma vibração de alguma coisa, atraímos esta coisa e sofremos influência destas coisas... simples se vc pensar que, se vc é feliz, naturalmente você irá procurar, sintonizar com coisas que te tragam felicidade e naturalmente as coisas que trazem felicidade para vc estarão vibrando algo em sua direção....
Sofremos diversas influências e acredito que TV, rádio e etc, folhetos publicitários enviam mensagens diretamente para nós linkando o produto dele com alguma coisa em nós, acredito que na maioria dos casos seja através de nossa carência, esfera sexual, ganância, enfim, sempre em cima principalmente dos "pecados capitais" rs

Conversando com a Myrian ela levantou a questão: "Como será a influência na vida das pessoas que se expoe na mídia?" Pensei... conversamos e conclui.... todos nós sofremos influência.... eu mesmo sempre gostei de uma sacanagem, filme pornô e etc mas reparei que depois que dei uma desligada na TV as coisas diminuiram, isso porque eu era uma "mero" telespectador hein?

Reparei que nos ultimos tempos praticamente sem TV, rádio, internet em casa e etc, eu deixei de receber milhões de estímulos de sexo, violência, traição, mistério, medo, falsas crenças ou crenças terceiras que não me interessam e por ai vai.. e pensei: Como será a vida de uma pessoa que saiu pelada na TV ou em uma revista? Gente do céu... é o seu cuzinho que estará a mostra... é muito gente, um absurdo.... nunca tinha parado para pensar mas imagina: Seu fiofó a mostra para gente que vc nem sonha ver? ter reações que nem imagina? Gente, caiam na real... é o seu fiofó na mão dos outros!! Caraca, fiquei abismado como eu mesmo já curti isso de ver putaria na TV e etc... Que coisa né? rs.. engraçado....

Não quero parecer um falso santo, adoro sexo, gosto mesmo mas....

A humanidade está perdendo a HUMANIDADE
A humanidade está perdendo a INTIMIDADE
A humanidade está perdendo o RESPEITO
A humanidade está perdendo o AMOR

Qual a nossa estratégia para o Amor?

Olha, para quem me acha um falso beato aqui vai minha linha de raciocíno: se tivessemos tudo isso que listei acima poderiamos fazer amor uns com os outros independente de sentimento de posse (posse não é Amor pelo simples fato de ser contra a liberdade)


Pense bem... se vc elencar tudo isso que listei antes do ato sexual... sabe oq vai acontecer? Vc não sentirá tudo isso por todos... e irá procurar isso provavelmente com uma só pessoa, pois, no estado que nos encontramos, infelizmente, HUMANIDADE, INTIMIDADE, RESPEITO e AMOR ainda tem que ser desenvolvidos, trabalhados.... e isso é lindo, único e trabalhoso.... porém gratificante, libertador e amável....


Fernando
(... para que meus filhos tenham mais coração, mente e alma na mídia do que simples cuzinhos e silicones - ou, que nem se tenha mais midia ;o) )

Namastê!

Equilíbrio = Constância e Inconstância?

Estes dias estava pensando sobre ser constante, algo que definitivamente a maioria das pessoas nem sabe o que significa.

Diversas vezes li sobre constância, ser equânime e etc mas toda vez que tentei e pratiquei, consegui por um tempo depois, o que era belo começou a ficar desengonçado, apertado, sufocante, enfim, não foi legal...

Estes dias conversando com minha esposa (talvez mãe de vcs que estão lendo rs... ai que baato isso) ela assim como todos que vivem comigo disse: "Fê, me desculpa o que vou falar mas... as vezes eu acho que você não sabe o que quer" rs...

Pois bem, realmente concordo que aparentemente eu não sei o que quero. Esse lance do que "os outros pensam de você" é tão estranho pois na maioria das vezes eu não me vejo como produto que tenho que saber passar a imagem para um cliente... e sim um ser humano vivo que quando sente por um segundo o que precisava descobrir, fica satisfeito, contempla e ponto.... agora, se os outros sabem, concorda que não interessa

Pois bem... vamos lá....
Quando eu era criança ainda eu já dizia (não sei de onde tirei isso): "Se eu for feliz em um barraco com minha nêga banguela comendo churrasquinho de gato... peço a Deus que não me falte o barraco a nêga banguela e o churrasquinho de gato, agora, se eu for feliz em um Palácio de Ouro e Marfim peço a Deus que não me falta o Palácio, o Ouro e o Marfim"...

Perceberam a constância na inconstância? A constância é a FELICIDADE.... e as inconstâncias são as atividades profissionais, as moradias, os carros, colegas, hobbies e pq não as religiões certo?

O que me impede de ser feliz em uma chácara hoje e ser igualmente feliz em uma ilha daqui há 10 anos? O que impede de depois de mais 10 anos eu ser feliz em um apartamento?

O Fernando não sabe o que quer ou ele sabe tanto e é tão fiel ao que ele quer que ele faz de tudo para ter o que deseja? Felicidade?

Olhem um monjolo? Tenho um em casa, qualquer dia eu filmo e coloco ele aqui no site... foi olhando pra ele que eu vi como funciona a Constância da Vida.... o Dia e a Noite.... o Sol e a Lua... e as diversas formas que existem entre eles.... olhando o monjolo de casa que percebi... ele se enche de água... até não caber mais.... e depois o que acontece? Quando e somente quando ele se enche até a boca... ele derruba toda água... perde toda água e só assim tem espaço para receber água... mas me diz: O que o monjo quer da vida horas? ele quer ficar com água ou perder água? Que bosta de monjolo!!! Monjolo, vai se foder meu, o que é que vc quer me diga agora!!!! O Monjolo disse: "Otário, eu quero moer o milho que está lá atrás... é isso que eu faço... vc não vê mas eu faço fubá dia e noite"

Sacou?

Meu fubá é a felicidade e quanto as coisas materiasi que eu represento ou não neste Teatro Mágico eu digo:

"Nada de material me liberta, porém, tampouco me condena"

Namastê Atmas

Namastê!

PS: Quanto mais me afasto de religião mais encontro a Deus
PS2: Quanto mais distante estou das tradições Vaishnavas mais me aproximo de Krsna e sinto poder compartilhar de sua Luz comigo e com os demais.

Hare Krsna meus queridos e como dizem os devotos: Todas as Glórias a Sri Prabhupada, afinal, foi através dele que isso tudo chegou até a mim.

Namastê querido Prabhupada, Namastê Atma Sagrado!

Fernando
(Sendo quem Realmente É - Sem Hipocresia consigo mesmo :o)) )

São os Chacras

Quando me refiro a meditação, desdobramento astral, sair do corpo e etc... quando digo que meus pés e mãos ficam quentes, nada mais é do que os Chakras trabalhando pois segundo parte de um livro que li recentemente é necessário que os chakras estejam trabalhando para acumular energia suficiente para que vc saia...

Vejam a imagem da correspondência dos chakras nas mãos e pés....

Namastê!

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2008

Para ajudar o post anterior (abaixo)

http://www.permacultura-bahia.org.br/conceito.asp

"Resgatar e amar um pedaço da Mãe Terra é muito mais profundo do que simplesmente criar sistemas para manter vivo o nosso corpo físico: é o resgate profundo da relação do homem com a Natureza, de substituir o tempo de relógio - nossa escravidão - por ritmos. Tempo de caju, tempo de manga. O levantar e pôr do sol. A lua minguando e crescendo... E percebemos que, de fato, precisamos de MUITO POUCO para sentir a felicidade; que a integração com a beleza natural é uma fonte de satisfação mais profunda e serena do que grandes conquistas no mundo urbano."

Marsha Hanzi (trecho do livro O Sítio Abundante)

Ensaios sobre uma nova forma de relacionamento humano

Olá,

Antes de tudo peço que fique claro que este texto é um ensaio, um exercício sobre uma necessidade que sinto de viver de forma mais harmoniosa entre humanos principalmente.

Peço a gentileza daqueles que lerem, enviar comentários, sugestões de raciocínio, enfim, ajudar neste exercício pois não sinto que será fácil mas tampouco impossível.

Para que isso possa realmente ser útil é necessário que não se venham defender idéias e sim, trazer sua idéia para colocar na mesa junto com demais idéias e JUNTOS contruir algo que possa ser útil agora, neste momento e que seja orgânico, vivo e flexível.

Penso que a moderação entre a Restrição e a Abundância, entre a Forma e a Misericórdia seja o caminho, nem muito lá nem muito cá... F l e x i b i l i d a d e. Beleza?

Tudo que está aqui escrito é pq algo tinha que surgir do nada mas tudo que aqui está é passível de mudanças ok?

Dividi em pontos a serem pensados e listei algumas coisas:

01 - O que é realmente importante para o Ser Humano?
02 - Como lidar com diferenças?
03 - Como viver com saúde, conhecimento e feliz.
04 - Uma vida em equilibro (pessoal, profissional e etc.).
0 5 - Como fechar o ciclo Homem e Natureza?
06 - Como nasce o comprometimento na sociedade e o que estaria no centro desta sociedade?
07 - Como seriam as interfaces com sociedades externas (independente de quem sejam?
08 - Vivendo com a Verdade Maior, com a Sua Verdade.
09 - O que entendemos por felicidade?
10 - Como promover crescimento humano sem perder o foco na felicidade.


Aguardo sugestões.

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2008

Jesus: o amigo dos ateus

E-mail recebido de um amigo, MUITO BOM!

---------

Olá crianças,
O termo atheos surgiu durante a Grécia Antiga, em aproximadamente 500 AC, onde o termo significava "sem Deus", ou "aquele que cortou seus laços com os deuses" e designava um sacerdote que estava rompendo seus laços com seu antigo templo. O termo foi muito usado nos primeiros séculos após as pregações do Avatar Yeshua, em debates entre helenistas (os sacerdotes gregos), essênios e outras facções de cristãos primitivos (antes do Vaticano) onde cada um dos lados usava o termo para designar pejorativamente o outro. Este termo nunca era designado para um membro do povão e seria impensável alguém se auto-proclamar "ateu". Era o equivalente a um xingamento.
E Jesus, para os helenistas, era o exemplo máximo dos ateus.
Uma das primeiras coisas que eu aprendi quando estudava Religiões e Mitologias comparadas é a de nunca julgar um movimento religioso ou filosófico com os olhos do presente. Para entender o que realmente estava se passando, é necessário nos colocarmos no tempo e no espaço onde cada movimento religioso ou filosófico ocorreu.
E o mesmo vejo acontecer com o dito "movimento ateu" aqui no Brasil. Sempre que leio em algum lugar um alegado ateu que diz "Eu não acredito em Deus" eu penso "Não acredita em Deus ou não acredita no Deus psicopata, vingativo e ao mesmo tempo amoroso e magnânimo (dupla personalidade?) que a Igreja Católica inventou e empurrou goela abaixo durante toda a sua vida?".
touchingthevoid460.jpg
Deus não é um velho sentado na montanha
Entendendo a Kabbalah, podemos perceber que o Jeová (YHVH) bíblico, em suas duas faces, nada mais é do que a representação dual das esferas Geburah (Força, representando a grande restrição e molde das formas) e Chesed (Misericórdia, representando o grande provedor universal) atuando sobre as esferas mais baixas da Árvore da Vida (que é um mapa dos estados de consciência do ser humano). Não há nada que já não estivesse DENTRO do ser humano o tempo todo. Yeshua sabia disso, e o Deus (Keter) que ele pregava é um deus simbólico das arestas que devemos aparar em nós mesmos para atingir o nível de consciência divino. Em outras palavras, Jesus ensinou aos homens como se tornarem deuses (Yeshua era chamado de "O Portador da Luz" em algumas ordens cristãs primitivas… este nome… "Portador da Luz", lembra alguma coisa para vocês?)..
kabbalah.jpg
Outra coisa que precisamos deixar claro é que, hoje em dia, a maioria das pessoas acha que Deuses eram algo como os x-men: criaturas fantásticas cheias de poderes que lançavam raios e trovões, voavam, acertavam flechas a quilômetros de distância e podiam transformar chumbo em ouro. Na verdade, fora dos círculos do povão, os Iniciados sempre souberam que os deuses nada mais são do que grandes egrégoras voltadas para a personificação de forças naturais. São Iniciações nas quais você aprende no Plano físico (Malkuth) a lapidar sua forma de pensar (Hod), sentir (Netzach) e intuir (Yesod) de modo a dominar os seus 4 elementos interiores para permitir o contato com o ser Crístico (e tem cético que acha até hoje que os quatro elementos da alquimia são literais… terra, ar, água e fogo).
Alegorias
Muitos dos ensinamentos da kabbalah são passados adiante através de alegorias, cujas chaves, imagens e desenhos são necessárias para se entender (e principalmente SENTIR) a mensagem que se quer passar. Para os obtusos que não conseguem enxergar nada além do Plano Material, estas alegorias nada mais são do que "contos de fadas".
Tomemos um exemplo clássico: Todo mundo sabe que os alquimistas são capazes de "transformar chumbo em ouro". Mas transformamos o chumbo do ego no ouro da essência. Vocês acreditam que outro dia no orkut um dos líderes de comunidades céticas estava em uma discussão exigindo "provas laboratoriais" da transformação de chumbo em ouro? Tem como ser mais patético do que isso?
georgespring2007.jpg
Vamos pegar um outro exemplo, um conto de fadas clássico: "A princesa está aprisionada em um castelo ou masmorra, protegida por um dragão. Um cavaleiro de armadura reluzente vai até ela, derrota o dragão e salva a princesa, casando-se com ela e, como Rei e Rainha, são felizes para sempre".
Isto nada mais é do que uma alegoria dentro da Kabbalah para demonstrar o caminho de um iniciado até estar purificado para receber o ser Crístico e tornar-se um boddisathva (ou iluminado, ou christos, ou mestre ascencionado ou qualquer outro nome que queiram dar para isso).
Dentro da simbologia, a princesa representa Yesod, nossa intuição, aprisionado na Pedra Bruta (que é o castelo ou masmorra, representando o plano material de Malkuth).
Através do cavaleiro, que SEMPRE tem uma armadura brilhante e representa todas as sete virtudes, personifica o SOL crístico (Tiferet) da beleza que vai trabalhar esta reforma íntima.
O Dragão representa os 4 elementos (além de ser uma serpente de asas, ele cospe fogo, voa pelo ar, nada na água e caminha sobre a terra) que, por sua vez, representa o caminho de evolução da consciência através das esferas de Hod (razão), Netzach (emoção) e Malkuth (físico), chegando até Tiferet (espiritual). A luta entre o dragão e o cavaleiro representa a essência divina sendo despertada e dominando cada etapa dos 4 elementos (material, intelectual, emocional e espiritual) até que a fagulha divina (princesa) é libertada e se casa com o cavaleiro (no chamado Casamento Alquímico - ver poema de William Blake e música do Bruce Dickinson de mesmo nome) e tornam-se Rei (Hochma) e Rainha (Binah), ultrapassando o Véu de Paroketh e escalando a Árvore da Vida. Falaremos mais sobre isso quando começarem os posts sobre Kabbalah.
Podemos lembrar também da história Perseu e Andrômeda, ou mesmo da alegoria católica para "São Jorge derrotando o dragão" e muitas, muitas outras.
Então, a moral da história é: enquanto as pessoas ficarem procurando por deuses fora de si mesmos, sempre existirá algum pilantra disposto a vendê-los e a dizer o que vocês podem e o que não podem fazer. O Oráculo de Delfos dizia "Conhece a ti mesmo, e conhecerá os deuses e as maravilhas do Universo". E é disso que se trata a alquimia, astrologia e a kabbalah. Tornar-se você mesmo um deus.
ganesha.jpg
Mas tio Marcelo, e os deuses?
Use os outros Deuses para obter sabedoria. Não os Venere (do latim Venerationem, ou "curvar-se à"), mas os Admire (do latim Admirationem, ou seja "exalte seus sentimentos"). Todos os deuses de todas as mitologias possuem histórias por trás deles e todas estas histórias trazem grandes ensinamentos.
Por outro lado, os deuses formam grandes e poderosas Egrégoras , cheias de energia para serem usadas por aqueles que sabem como acessá-las. Você acha mesmo que pessoas muito mais inteligentes que você iriam venerar um "deus de cabeça de elefante"? A alegoria de Ganesha (meu deus favorito, aliás) é uma das mais lindas e completas lições de vida que já encontrei nas mitologias. Um dia farei um posto apenas sobre ele.
Mas voltando ao assunto: então surge a grande questão "Se todos os deuses estão dentro de seus pensamentos apenas, mas todo pensamento é projetado no astral, então os deuses estão ao mesmo tempo no Universo e dentro de você", o que nos remete ao Oráculo de Delfos novamente. Parece uma serpente mordendo a própria cauda…
Entendendo os ateus e céticos
Muitas pessoas, lendo esta coluna, devem achar que eu odeio os ateus e céticos ou sou o nêmesis deles, mas nada está mais afastado da verdade. Eu compreendo perfeitamente a posição na Árvore da Vida em que eles estão (da mesma maneira como também compreendo os fanáticos religiosos ou os místicos hippies ou os ateus materialistas).
Tem gente que deve imaginar até que eu e o Kentaro Mori somos inimigos mortais, mas a verdade é que às vezes passamos madrugadas inteiras batendo papo no msn e eu o acho um cara muito inteligente e muito gente boa. Ele tem me ajudado a bolar alguns parâmetros científicos rigorosos para experimentos em alguns laboratórios rosacruzes e eu tenho passado pra ele imagens, fotos e idéias que não tive tempo de pesquisar para ele me ajudar a descobrir se são hoaxs ou não.
Como o ocultista William Blake disse, "Sem opostos não há progresso".
Todo ocultista é, obrigatoriamente, um cético. Se não for, vai virar um esquisotérico comprador de revistas de horóscopo, amigo dos gnomos de Além da Lenda, abraçador de árvores, entoador de mantras hippies, leitor de revistas de pink wicca e outras modinhas toscas, o que não os tornaria nem um pouco diferentes de um fanático religioso ou de um cético tapado.
Dentro da kabbalah, todos estes casos são desvios do Caminho do Equilíbrio (a título de curiosidade, caminho 25, Arcano XIV, a Temperança): Os materialistas puros (Malkuth), os misticóides (Yesod), os fanáticos céticos (Hod) e os fanáticos religiosos (Netzach). Todos os excessos dos 4 elementos que precisam ser equilibrados na alquimia!
Para entender um ateu, precisamos nos colocar no lugar dele, e acompanhar o desenvolvimento do termo ao longo da história: A partir de Constantino, a religião "oficial" de Roma passou a ser aquele "cristianismo frankenstein" que ainda vamos estudar, mas qualquer pessoa que não estivesse de acordo com a doutrina romana seria considerado um pagão (vindo do latim pagani, ou "pessoa do campo") ou ateu ("que não possui deuses").
Esta classificação era meramente filosófica, pois ambos deveriam converter-se ou iriam para a fogueira e nenhum dos dois tipos realmente acabava se convertendo.
No caso dos Pagani, a Igreja bolou formas de absorver, converter seus deuses em diabos e transformar datas festivas em datas católicas (vide 25 de Dezembro). No caso dos ateus, não havia muito o que se fazer a respeito. Uma das curiosidades é que, ironicamente, a imensa maioria das pessoas consideradas atheos pela Igreja encontrava-se dentro das fraternidades rosacruzes (os filósofos iluminados).
Por que "Iluminados"?
Porque dentro destas escolas de pensamento, considera-se que quem está no começo de sua trilha espiritual está "nas trevas da ignorância" e, conforme vai galgando os degraus do autoconhecimento e se lapidando, adquirindo cada vez mais "luz da sabedoria", até que passa a irradiar esta luz para outras pessoas, ou seja, tornar-se iluminado.
Note que esta "luz" só aparece com muito esforço. Ficar sentado de cabeça baixa esperando alguém te iluminar vai te transformar apenas em uma pedra que recebe luz, mas o brilho precisa vir de dentro para fora, através da lapidação dos defeitos capitais (os tais "7 pecados" que eu vou esmiuçar em colunas futuras). A pessoa precisa "buscar" esta luz através do ceticismo e do ocultismo e, nesta jornada, torna-se um buscador. Note novamente a semelhança com a história de Prometeu/Lúcifer.
Voltando aos Ateus
Posso imaginar um ateu brasileiro como uma pessoa com inteligência acima da média, que tem entre 16 e 40 anos e morou no Brasil por quase toda a sua vida. Esta pessoa foi alimentada com bizarrices durante toda a sua vida: falaram para ele na escola que um sujeito colocou dois animais de cada espécie em um barquinho durante 40 dias para escapar da chuva, falaram que Deus criou o mundo em 7 dias, que a Terra tem 6000 anos de idade, que uma torre desmoronando era a responsável pelas línguas da Terra e por ai vai… e que tudo isso era "a palavra de Deus". Mais tarde, jogam na nossa cara um Jesus-Apolo com uma história toda picotada e incompreensível e dizem que "ele morreu pelos nossos pecados" ou "morreu para nos salvar". E pior, que se não acreditarmos nele, este deus bondoso e magnânimo nos lançará nas profundezas do inferno para sermos torturados pela ETERNIDADE.
Qualquer pessoa que tenha um mínimo de inteligência e cultura vai começar a questionar tudo isso.
As pessoas mais velhas, por terem passado 30… 40 anos ouvindo estas histórias em um período sem troca de informações (não havia internet) e onde a dominação educacional, moral e dogmática era MUITO mais pesada do que a nossa certamente terão muito mais dificuldades em largarem este pensamento. Temos de ter paciência e compreender a posição deles: eles nunca tiveram acesso ao conhecimento "oculto".
Os mais jovens passam pelo estágio da negação: tendo uma inteligência acima da média, escutam essas coisas e assistem ao show de horrores e injustiças que é a cultura do dízimo e pensam "que merda é essa? Isso não pode ser sério!" e passam a se considerar ateus.
É o que eu considero um "ateu estágio 1". A criação do não-Deus como resposta aos absurdos das Igrejas caça-níqueis. A imensa maioria do pessoal que eu conheço que se denomina "ateu" começa nesta posição.
A partir deste estágio, a pessoa pode se dividir em três categorias: as que adquirem uma revolta interior tão grande com isso que assumem uma forma mais agressiva de contestar esta religião, abraçando qualquer outra coisa que lhe apresentem apenas como resposta direta aos ataques dos crentes… O problema com isso é que estas pessoas geralmente são manipuladas por iniciados em NOX e Goetia para servirem de gado energético com seus "rituais satânicos" disponíveis na internet (um dia eu falo mais sobre satanismo sério) ou montam a sua "religião do não-deus católico" e saem por ai pregando. Esse pessoal, que costumamos chamar de "satanistas de orkut", leram meia dúzia de livros do Aleister Crowley, não têm a menor idéia de como a ritualística funciona e geralmente são vampirizados e usados como baterias energéticas para iniciados de verdade das Fraternidades Negras.
A segunda categoria é a dos preguiçosos mentais, que decidem parar seu ceticismo por ai. Decidem que "todas as religiões são iguais, não preciso estudar nenhuma, ninguém presta, são todos picaretas e são todas iguais" e normalmente pensam o mesmo das ciências ocultas, fazendo uma mistureba com os charlatões, videntes e afins (e eu também nem vou culpá-los por isso, porque a coisa é realmente suína no ramo misticóide). Eles normalmente consideram efeitos espirituais como fraudes (e também não podemos julgá-los, já que a maioria das coisas que aparecem na TV é mesmo uma palhaçada), mas nunca se deram ao trabalho de buscar pessoalmente qualquer tipo de comprovação, seja para sim, seja para não. Desta categoria surgem os fanáticos-céticos.
Falar "Deus não existe" é, na melhor das hipóteses, uma demonstração de ignorância, arrogância e prepotência, que assumiria que o indivíduo estudou tudo o que há para ser estudado no planeta e, do alto do conhecimento total, poderia tecer algum comentário semelhante. Por outro lado, falar "Deus existe" quando esse "Deus" é aquela aberração fabricada pela Igreja Católica também é um contrasenso… Oh, a ironia.
E percebemos que o comportamento destes céticos é EXATAMENTE IGUAL ao dos fanáticos religiosos. Ambos são "donos totais da verdade suprema e absoluta incontestável". Discutir com eles é tão ou mais perda de tempo do que discutir com um pastor evangélico.
atheism804x365.jpg
A terceira categoria é a que eu respeito. Estes buscadores céticos estudam as outras religiões e filosofias (e por estudar não quero dizer "fuçaram na wikipedia") e entendem os princípios de suas filosofias e doutrinas, chegando até mesmo a absorver e comparar seus ensinamentos sem se deter nos dogmas impostos (Não mentir, não roubar, não matar, ter ética…). Eles podem chegar à conclusão que "nenhuma das religiões que conheci até agora me serve" (esta resposta eu respeito) mas isso não os impede de continuar estudando e respeitando quem ainda não chegou neste estágio.
Eventualmente ele pode encontrar uma filosofia que lhe sirva, OU continuará uma eterna busca. O mesmo vale para os tais "fenômenos sobrenaturais" (e também pode ser estendido para as informações que eu coloco nesta coluna).
Eu, pessoalmente, acredito que não existe nada "sobrenatural"; existem apenas coisas "naturais" que a ciência ortodoxa não teve capacidade para explicar ainda. Incluindo os espíritos e a magia.
Alguns buscadores acabam chegando a um deus-pessoal, ou seja, o chamado EU SOU. Se basta ter um adorador para qualificar um Deus, se você adorar (do latim Adore, ou "conversar, conhecer") a si mesmo, isto não configuraria o suficiente para classificá-lo como um Deus? Neste estágio, eles deixam de se tornar um "sem-deus" e se tornam a própria divindade, sem necessidade de procurar nada externo (olha o Oráculo de Delfos novamente, crianças).
big-bang.jpg
O Deus-Ciência
Posso afirmar que o universo que conhecemos foi criado no Big Bang (sopro divino), que formou as galáxias, estrelas e planetas, todos compostos dos mesmos átomos originais, apenas combinados de maneira diferente. Os seres humanos são um amontoado de átomos provenientes desta poeira cósmica, que um dia morrerão e serão recombinados em outros átomos para formar outros seres humanos; assim "reencarnando". Um dia, quando o universo parar de se expandir e passar a se comprimir, ele acabará no Big Crush e todos os átomos retornarão à origem (embora esta teoria ainda esteja sendo intensamente debatida entre os físicos).
Chame o Big Bang de "Deus" e temos: "O ser humano foi criado à imagem e semelhança de Deus, e um dia retornará ao criador. O homem é Deus". E a Kabbalah se prova certa mais uma vez, mesmo no maior dos materialismos.
Semana que vem passo a bibliografia sobre Yeshua e este ciclo de matérias, embora eu já tenha passado em uma coluna anterior. Vocês é que não procuraram.
Non nobis, Domine, Domine, non nobis, Domine
Sed nomini, sed nomini, tuo da gloriam.
———-
Este final de semana haverá um curso de Astrologia Hermética e outro de Kabbalah no sábado e domingo (dias 1 e 2) aqui em São Paulo. No final de semana que vem (dias 8 e 9) terá finalmente o curso de Tarot (Arcanos Menores e Arcanos Maiores ) que o pessoal havia pedido desde o começo do ano. Como acabaram as férias maçônicas, eu recomendo que quem quiser fazer estes cursos que se apresse em reservar vagas, porque depois deles eu não sei quando terei novamente cursos abertos para o pessoal de fora. O email para informações é daemon@daemon.com.br
E quem quiser participar da nossa área de debates, pode se inscrever na comunidade da Teoria da Conspiração no Orkut.

fonte: http://www.sedentario.org/colunas/teoria-da-conspiracao/jesus-o-idolo-dos-ateus-4004/#more-4004


Abra sua conta no Yahoo! Mail, o único sem limite de espaço para armazenamento!



--
Namastê,
 
Fernando Camargo da Silva

Doe sangue
http://www.shhsjc.com.br/

Plante uma árvore! Nosso planeta agradece.
Accesse http://www.clickarvore.com.br, registre-se, é gratuito!

Dicas
http://planetasustentavel.abril.uol.com.br/cartilha/notrab.shtml

Pensamento: Vamos parar de "amar as coisas" e usar as "Pessoas" para "Amar as Pessoas e usar as coisas"

Ações INDIVIDUAIS: Resultados GLOBAIS

ANTES DE IMPRIMIR, pense em sua responsabilidade e compromisso com o MEIO AMBIENTE.

"Quem não estiver pronto a Ousar Tudo, mesmo sem saber qual é a Recompensa, também não está apto a Tudo o que deseja receber".

Om!

Duas Esferas

Curioso,

Acabei de ler em um texto que recebi e tive que postar... dizia de duas faces de Deus, uma de Restrição de Grande Forma e outra de Misericórdia e de Provedor Universal.
Não seria isso o equilíbrio?
certa vez minha afilhada estava tendo um verdadeiro chiliquinho e uma tia dela estava dando tudo que ela queria, e ela se sujou, derrubou suco na roupa. chorou, esperneou (eu nunca tinha a visto fazer isso) e foi quando eu me cansei e entrei na estória. Pedi para a Tia dela ficar quieta, mandei ela ficar quieta tb e disse que ela se sentaria entre eu e minha esposa, quietinha, comeria seu pãozinho, tomaria seu suquinho, comeria o bolinho, e disse em alto e bom tom que tudo isso seria SEM CHORO... pedi que a Tia e todos os demais não ficassem oferecendo coisas para ela.... e sabe o que aconteceu? Ela parou de chorar na hora, comeu, se alimentou, não derrubou mais nada em lugar algum, segundos depois de ser "enformada" já estava sorrindo.... brincando, feliz... e disse: Quando acabar vamos brincar com o Vô... e assim foi, ela acabou e eu a levei para brincar com o Vô... e foi bom... em menos de 10 segundos o caos estava terminado e ela estava calma, feliz e todos obviamente felizes tb pois criança quando tem "ataques" é fogo rs

Disse para ela: "Fumada e Carinho Ana...." E ela repetiu "Fuada e caiinhu" rssssss

Não sei se foi o mais certo mas é bem condizente com o mecanismo que li de Forma, Restrição, Misericórdia e Prover...

Meu Pai foi muito minha Forma e minha Mãe a Misericórdia... Hoje ambos são um pouco de cada mesmo depois da vida adulta...

Honra, Glória e Devoção aos Nossos Pais Terrenos.

Namastê!


terça-feira, 26 de fevereiro de 2008

A Demissão

Realmente vivemos distantes de ser uma comum unidade.

Agora mesmo uma moça que conheço foi demitida e vi um segurança levando suas coisas na portaria pois ela, que habitava há mais de cinco anos está comunidade, em um passe de mágica, em uma fração de segundo, está sendo tratada como perigosa, pois, se um segurança gigante precisa levar suas coisas e ela não teve nem o direito de pegar suas coisas... é pq a "comum" unidade a considera perigosa certo?

É engraçado... e o pior, é que, não sei mas, as chances de ela não ter ouvido uma critica sequer sobre seu trabalho e derrepente estar na rua são grandes.. ou seja... correção zero, punição 100%...

Triste, muito triste...

Sociedade e comum unidade sem valores.


segunda-feira, 25 de fevereiro de 2008

Dependência e Liberdade

Qual o relacionamento entre dependência e liberdade?

Juntar dinheiro: Faça um exercício, tire o dinheiro da cabeça agora e imagine-se no lugar de dinheiro juntando galhos, gravetos.... imagine como isso ocorre.... agora me diz... como foi? Geralmente as pessoas se imaginam agachando, juntando, geralmente acham que está sol, é cansativo, não é prazeroso, imaginam que uma hora não cabe mais nas mãos e com as pernas cansadas tem que se deslocar para algum outro lugar onde terão que guardar o dinheiro.. a própria idéia de guardar se vc fechar os olhos e imaginar, provavelmente traz a sensação de clausura, enfim, definitivamente "juntar dinheiro" não é a melhor mensagem que vc pode passar para sua mente e espírito...rs... (na minha opinião)

Agora, em contrapartida, proponho o raciocíno de que assumamos antes de tudo que nascemos e somos a vida inteira viciados em prazer certo? Postulemos iso ok? Uma vez que assumimos nosso vício, podemos contemplar as diversas esferas onde ele se manifesta e vemos que somos compostos de três esfreas: Corpo, Mente e Espírito.... Postulemnos tb que Deus é Esperto (esta é fácil de acreditar, pelo menos para mim) e quando acreditamos do fundo da Alma que Deus é Esperto e que Somos viciados em Prazer conseguimos extrair alguns balizadores para nosso comportamento, tais como:

- Se somos viciados em Prazer e Deus é Esperto, ele obiviamente não colocou na satisfação destes prazeres a necessidade de dinheiro para satisfação dos mesmos certo?
- Somos compostos de 3 esferas desejantes como Corpo, Mente e Espírito. Fiquemos a vontade com os desejos que cada esfera emana e vemos que se atuármos na Profundidade da Alma, conseguimos satisfazer cada um deles com pouco e com poquíssimo esforço, SOBRAM coisas para Nós. Exemplos:

- Cuidando do corpo
1 - Com um pouco de atividade física por dia já dormimos melhor e diminuimos doenças
2 - Com pouco sexo mas com muita intimidade, intensidade, carinho, tesão e até Amor, já estamos satisfeitos


- Cuidando da mente
1 - Com boas leituras, pocas páginas, alguma sfrases, alguns pensamentos mas que sejam realmente motivantes, nossa mente se aquieta e fica calma, sob nossa responsabilidade
2 - Um trabalho que promova o desenvolvimento do seu intelecto como pensar coisas que ninguem pensou ou coisas que a maioria desistiu, te traz a Paz e o Amor dentro da mente... os estudos são maravilhosos para isso... leval vc ao céu... as poesias, a música que á a matemática ouvida, lógic pura.... isso é Divino, é Saboroso, estudar é Divino e é Profundo

- Cuidando do espírito
1 - Quantas vezes por dia vc aquieta sua mente e dá um "oi" para sua alma?
2 - Quantas vezes por dia vc faz uma reverência, uma saudação, vc se curva (fisicamente ou não) perante Algo Superior o qual vc assume sua pequeneza, contempla e solicita o Crescimento que só os Grandes possam oferecer?

Se reparar bem... desta forma... você não gasta um centavo... o que acontece com o dinheiro? ele SOBRA.... e SOBRAR é a sacada e JUNTAR é o lado que não se sustenta (independente de ser bom ou ruim, esqueça isso de bom e ruim)

Agor pense que Você é Deus e vc tem um filho que DEPENDE de TV a Cabo, DEPENDE de Internet em casa, DEPENDE de dinheiro para pagar as contas de Celular, Carros, Alimentação (cada dia um restaurante), imagine vc tendo um filho que DEPENDE da comida não para sobreviver mas sim para ser feliz.... Imagine um filho que DEPENDA de sexo para ser feliz, ele só se liga em sacanagem eputaria.... Me diga, me diga do fundo do seu coração... vc que AMA esse filho incodicionalmente o que vc iria fazer?

Se vc dá mais dinheiro a este filho o que aconteceria? Ele iria DEPENDER MAIS e ter MENOS LIBERDADE....

Se vc não dá dinheiro para este filho, uma hora ele se afoga, mas vc sabe que ele não morre certo? Depois de ele "sofrer" bastante vc vê que ele COME mas não depende daquilo para ser feliz, vc vê que ele TRABALHA mas ele não depende daquilo para ser feliz, vc vê que ele TEM DINHEIRO mas não depende de ter dinheiro para ser feliz, vc vê que seu filho TEM VIDA SEXUAL mas ele não depende para ser feliz... conclusão? Trabalho Pronto, executado com sucessso: Agora seu Filho está apto a ter quantas mulheres quiser pois ele não depende de sexo para ser feliz... vcê não precisa mais se preocupar em dar dinheiro para eles pois sabe que ele não depende daquilo para ser feliz... vc pode dar bons carros, restaurantes e etc que vc sabe que ele não depende daquilo para serfeliz.... conclusão:

EXPERIMENTE tudo mas não NECESSITE de nada.

Para mim, dá mais trabalho para Deus cuidar dos filhos que tiraram a própria liberdade com os presentes que Deus nos deu (sexo, dinheiro, alimentos, livros, meditação, paz inteior, Amor e etc...) do que aquele filho que se atrapalhou e viciou em algum deles.... até mesmo a espiritualidade é assim.... comece a depender dela para ver se sua vida não vira um inferno.... muitos dirão que é o capeta querendo agir... eu contesto e digo: É DEUS que não que vc DEPENDENTE DELE.... Deus não quer um Amor dependete, essa é uma das piores formas de se estabelecer qualquer relacionamento... na própria informática vemos que simples programas viram componentes uteis para todos quando tem MENOR ACOPLAMENTO E ALTA COESÃO rs... ou seja.. fazem sentido e não dependem de ninguém, assim podem servir a todos, pois, ajudam mas não dependem.... Nós dependemos de Deus? Sim... Ele quer isso? Acho que não... Dependencia não é amor... agora eu pergunto... estabelecer Dependência com Deus é Amor? Não.... acredito que não? Imagina seu filho dizendo: "Pai, obrigado porque acordei, Pai, obrigado pelo café, Pai, Obrigado pela escolinha, Pai, obrigado pela mamãe, pai Orbigado pela van que me leva pra escola, Pai, Obrigado pelo Almoço...." Caraca que coisa chata não? Vc vai pensar: "Deus do Céu, meu filho está doente, há algo errado com a criança" rs.... Agora imagine ele "naturalmente"... simplesmente acordando feliz, desfrutando do café da manhã, desfrutando da escola, da companhia da mãe, do transporte que o leva a escola.... cara, vc que é Pai vai olhar e dizer: "Pôxa que bom, meu filho está feliz"... vc é adulto, vc não precisa do obrigado dele..... precisar disso é mediocridade humana e eu penso que Deus não é mediocre.

Isso se aplica para tudo mas eu friso o dinheiro novamente até pq os religiosos detestam o dinheiro e o sexo (besteira, hipocresia ou viciados em prazer espiritual igualmente dependentes aos que criticam)... pebnse na grana... se vc não precisa dela... o dinheiro SOBRA... e quando sobra alguma coisa o que vc faz? Vc doa, vc compartilha, vc coloca uma parte em uma gaveta, outra vc guarada para seu futuro (pq não) outra vc dá para alguem na rua... mas vc NUNCA iria ficar acumulando em casa um monte de pão velho certo? Dinheiro é a mesma coisa...

Não dependa do dinheiro
Dinheiro irá te sobrar
Guarde um pouco e compartilhe o resto
O dinheiro irá fluir por vc


Dúvida?

Teste!

Como?

Faça o mesmo com conhecimento:


Não dependa do Conhecimento
Conhecimento irá te sobrar
Guarde um pouco e compartilhe o resto
O Conhecimento irá fluir POR você e PARA você, usufrua, divida e seja feliz

Consegui explicar meu raciocínio? rs

Religiões

Quando voltei de férias pensei comigo: "Religiões são boas? Sim, tem seu lado bom. E conclui que religiões são apenas rituais... nada além disso."

Conversando com um grande amigo, irmão, padrinho, recebi este seguinte trecho:

"De um modo geral Fernandão, de tudo o que eu já lí e pesquisei, as religiões em geral, têm um aspecto de controle. O problema não está nos seus avatares(Jesus, Buda, Krishna, etc), mas sim no que fizeram em nome deles. Como bem diz o Wagner Borges(um grande espiritualista, que eu respeito muito, um dia eu te empresto um livro dele pra você ver), Jesus não era Cristão, Buda não era budista, e Krishna não era Hare Krishna."

Namastê!



quinta-feira, 21 de fevereiro de 2008

Somos Malvados

Somos Malvados.

Discorda?

Pois contra-argumente:
- Já viu alguém dizer a seguinte frase? "Pôxa, eu não resisti, me segurei até onde deu mas no fim... não resisti e me entreguei... fui lá e fiz caridade"
ou então: "Pôxa, minha vida está complicada... tem um parente meu que é viciado em fazer o bem ao próximo, não pode dar bobeira que ele dá carinho, atenção... difícil viu"

ou essa: "Olha Fulano, vou te contar... hoje eu tive que fazer uma força mas estou orgulhoso... foi difícil... tenho que lutar para não me arrepender mas... fui lá e mandei o cara tomar no cu..."

Dificil né gente?

Vamos assumir que nossa essência é ser ruim e vamos deixar de falsidade?

Esse é o primeiro passo para negar a si mesmo... é reconhecer quem se é... e reconhecendo a si mesmo podemos finalmente negar nossa realidade... e negar a si mesmo é encontrar-se com Deus... com Seu Deus.

Certo?

Errado?

Faz diferença?

Foto da Alma

Alma... do primeiro verso... o segundo... só nós sabemos.... nós dois, nós três, ou, como dito... nós quatro rs..... será engraçado, vamos nos divertir muito.

Namastê!

A Alma

Tua Alma,
Já nasce velha,
Deu para ver em seu rosto
Em meu rosto
Que é a mesma e eterna beleza.... da perfeição a inperfeição
A alma velha, o corpo criança, o rosto, dente de leite
Alma
Alma Velha
Eterna
Sempre existente

Fique com Deus querida e que sua passagem seja nobre
Você ainda nem sabe onde está, se é que isso interessa... se é que isso faz a diferença


Seja bem vinda

Parte de mim, parte-todo

Om!

Mudando de assunto um pouco.. será que foi você que eu vi, será que foi você que eu ouvi?

Intensa
Velocidade, Luz
Força Maior

MUITA Força, MUITO MAIOR... Assustador e inevitável.

2 vezes

A mesma?

Ou Duas?

Alma.


Om


quarta-feira, 20 de fevereiro de 2008

Excelentes Frases

-  "A  mente  que  se  abre  a  uma nova idéia jamais volta ao seu tamanho original." (Albert Einstein)

-  "A  imaginação  é  muito  mais  importante  que o conhecimento."(Albert Einstein)

-  "Um  raciocínio  lógico  leva  você  de  A  a B. Imaginação leva você a qualquer lugar que você quiser." (Albert. Einstein)

Brincadeira, choradeira....

"Brincadeira, choradeira, pra quem vive uma vida inteira....
Mentirinha, falsidade, pra quem vive só pela metade."

(Palavra Cantada - www.palavracantada.com.br)

terça-feira, 19 de fevereiro de 2008

Liberdade e Dependência

Estes dias andei pensando sobre Liberdade e Dependência.
Conclui algumas coisas que gostaria de dividir, são simples análises lógicas da vida de pessoas ao meu redor, ao redor do mundo e a minha própria vida e estados que me encontrei e me encontro.

Sem mais enrolações e para variar, sem hipocresia ou medo de magoar alguém, vamos em frente:

- Dinheiro: Quando as pessoas Amam o dinheiro, cuidam bem do seu dinheiro, não acham que ele é pecado ou então não estão nem aí para o dinheiro o que aconetece? O Dinheiro sobra... pois é.. sobra, acredite em mim... pensei: porque sobra??? Pensa comigo: Deus é Pai certo? Imagina você no lugar dele vendo seu filho vivendo e derrepente você vê que seu filho está viciado em video game... o que vc pensa? Pôxa, meu filho não vive sem video-game e isso não é legal pois ele perdeu a liberdade... e como vc faz para dar a liberdade de volta a ele? Coloca mais videos-game no celular, DVD no carro e etc? Não... você simplesmente retira o video-game dele e diz: Assim que vc demonstrar que sabe viver sem ele eu te devolvo... por enquanto estará guardado... vc o tem, é seu mas não poderá usufruir dele... é claro.. a criança chora, esperneia... mas depois acalma, descobre os amigos, a casa, a familia, outros brinquedos e percebe que o video game é legal pra caramba? É, claro que é... não é coisa do capeta mas ela percebe que tem coisas a mais e que o video-game é mais uma das coisas boas da sua vida... sendo assim, o Pai vai lá e devolve ao filho.. que as vezes se comporta direitinho e tem o game para a vida toda ou o pai irá tirar novamente... agora me responda: como as pessoas vivem? Todos falam de dinheiro mas financiam carros, fazem dividas, crediarios, se afogam, estabelecem um vinculo imenso de dependencia com o dinheiro e acham que ter mais dinheiro é a solução... ERRADO... a solução é depender menos de dinheiro... é tirar os prazeres da sua vida dos relacionamentos na profundidade da alma, dos amigos, do Amor, da Paz, do espirito, do próprio corpo porque não? Sexo é bom e anda de bike tb é.... exercício, alimentar sem ganância e comece a reparar... sabe o que irá acontecer? O dinheiro irá sobrar... pode acreditar e é mais rico quem ganha 100 reais e junta 10 do que quem ganha 9 mil e deve 10... e me diz? quem é mais livre? quem junta 10 ou quem depende de 9 mil e ainda se amarra em mais 10?
Liberdade gente... não dependam do dinheiro... dependa dele e nada terá... não dependa dele e verá que irá sobrar e com isso poderá ajudar os outros, ter viajens.... é melhor viajar para fora do pais uma vez ao ano que comprar Vito Hugo todo mês né?? Hum? Pensou? Entendeu?


Vamos ao sexo:
Veja só.. já viu aqueles caras que só falam de sexo? Eles transam com alguem? Pode acreditar: Não transam... e se transam gozam rápido... agora me diz.... Ame, desfrute, relacione-se na profundidade da alma... deixe o sexo rolar em seu espirito e alma e sabe o que irá acontecer? Voc~e acha que sairiamos na rua comendo e dando para todo mundo? Não... se vc deixar o sexo rolar com naturalidade em seu espirito (isso não é reatividade ok?) vc verá que desejará MUITO sexo mas esse não irã bastar e vc sentirá a necessidade de somar a ele intimidade, cumplicidade, AMOR... e evrá que só com sua companheira ou com algum relacionamento de anos de convivio que vc terá esse Real Prazer... o Prazer que nos leva para dentro do outro, funde e gera a VIDA.... O AMOR.... agora... se vc estabelecer dependência com sexo.. pode acreditar... vc quera todo mundo superficialmente e não terá nem 10% do que desejou... sabe o que acontece? Simples... Expectativa é a Mãe da frustração... Frustração é Mãe do Sofrimento.... Sofrimento chama o medo.. medo chama pânico e depois vc vai dizer que sexo é coisa do capeta... pelamor né gente? "coisa do capeta" é depender ou do dinheiro, ou do sexo, ou da comida, ou da atividade física, ou da aprovação dos outros.. o aplauso do chefe?... Poutz... Parou!... Como diz um livro que li: Desfrute de tudo mas não necessite (dependa) de nada.

Beleza?

É isso...

Agora vou

Fui!

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2008

TV, Internet e Conta de Celular - Conclusões

Recentemente quando voltei de férias, vi que não precisava de muito para viver e pensei várias coisas que acredito nem ter colocado aqui, afinal, a vida é para se viver e não para contar, filmar, fotografar, documentar e mostrar para os outros... isto é apenas um blog, um exercícos as vezes diário e as vezes não de auto-conhecimento, testemunho para meus filhos e tudo mais.

Enfim, vamos lá...

Quando voltei de férias percebi que viveria muito bem sem internet em casa, televisão a cabo e conta de celular e percebi antes de tudo que estas coisas SEPARAVAM eu de mim mesmo, da minha esposa, enfim, me separavam da VIDA.

Minha conclusões até o momento são

Ficar sem Televisão
Ficar sem TV me fez ter coisas que eu não tinha com frequência, por exemplo, chegar em casa as 18h e ficar em uma sala sem TV só com incensos, cadeiras e nosso altar, almofadas e etc... conversando até as 23h da noite e nem ver o tempo passar... conversando, sabendo da vida dela mais a fundo e, uma profundidade maior, na profundidade da Alma...
Minha esposa começou a cozinhar... agora ela faz uma torta maravilhosa e já inventou uma segunda receita
Conversamos mais
Fazemos mais Amor... em quantidade e qualidade de AMOR.... fazemos menos sexo para relaxar e mais para contemplar a nossas existência, ser extensão do egoísmo e expansão do outro como objetos de desejo e objetos de prazer tb...
Este Sábado vimos uns 5 minutos de TV e ao ver uma cena de violência em uma novela mudamos de canal.. olha que lindo... naturalmente nós nos chocamos com a cena.. onde uma menina xingava e enfiava o pé no peito de um rapaz... antes para mim novela era algo tão normal... me pergunto> quantas cenas dessa são vistas dia a dia com "naturalidade".... quantas eu já vi na vida e nem achie estranho... olha que belo... eu naturalmente estranhei a vilolência... que benção... Obrigado meu Deus, MUITO Obrigado por isso.... isso sim é instinto... achar a violência estranha....
Outra coisa que chamou a atenção foi um programa de perguntas e respostas onde as perguntas eram simples, ridiculamente simples como "Nosso corpo é formado em sua maioria por:" aí aparecia algo assim: "Á _ _ _a" e os convidados respondiam com cara de intelectuais: "Água!!" e o povo delirava... ai que absurdo... Ah... e na hora que entraram umas meninas lindas, torneadas com aquele sorriso que parece um adesivo barato pois são todos iguais.... dançavam.. falavam uma coisa e pararam com uma perninha levantada hauahauahauahuaahuahauahauahau essa foi divertida... eu pensei: "patético" Hauahauahauahaua e pensei: Há quanto tempo eu não via TV estando FORA da TV e pensando antes.... acho que jamais achei estranho isso... enfim, feito isso, desligamos a TV... e particularmente conclui... não faz falta alguma e sem ela estou voltado a Ser Humano... afinal, não tenho a sedução da TV entrando dizendo COMPRE, COMA, TRANSE, INFELIZ!! INFELIZ ISSO QUE VC É!!!! A CURA PARA USA INFELICIDADE É COMPRAR ALGO E SE FODER EM TROCENTAS VEZES NO CARTÃO DE CRÉDITO... ISSO TE DEIXA TRISTE? ENTÃO COMPRE MAIS NO CARTÃO!!!"... Sabe o que eu escuto hoje que a TV diz bem baixinho: ela fala assim: "otário"... quer o queijo? coma, mas eu sou ratoeira... vou te pegar pelo rabo... e vc sentirá tanta dor que deixará o queijo cair... e é capaz de mesmo correndo desesperado com o rabo preso na ratoeira e sem queijo... quando encontrar outra ratoeira vc irá comer o queijo... e acumular ratoeiras no corpo até o dia que você morrer... e quando morrer... eu quero que vc se foda... rato é o que não falta....

Hoje me sinto da seguinte forma: Deixei de ser rato! Com ratoeira não se brinca... e aos que acreditam que "filtram" o que vêem eu digo: Trouxa... vc acha mesmo que você é mais forte do que 30 segundos de comercial que demorou 3 meses para ser feito por mais de 30 pessoas que estudaram cores, som, velocidade, imagem, temperatura de cores, necesidade humana, frustração, sedução, prazer, ópio e etc? Acha que vc realmente é tão bom assim??? Repito... trouxa... isso que vc é.. um trouxa... vc nem sabe mas vc tb é manipulado para dentro da "matrix"... o mundo está na mão de multinacionais e não de governantes.... tudo está podre e rendido... ganância...

LIBERDADE!! JÁ!!

Ficar sem internet em casa.
Olha, sinceramente... várias vezes pensei: Nossa, precisava ver isso, precisava ver aquilo.. nossa queria te mostrar isso... aquilo e etc... e sabe o que aconteceu? Nada.. sobrevivi a tudo... esqueci de todos estes "ímpetos" de "preciso" e descobri que não precisava destas coisas.
Descobri que uma página demora muiro para ser carregada e que de 2 em 2 segundos horas iam na frente do micro e longe da minha mulher, longe de mim mesmo afinal, quando eu entrava sempre tinha um pitbull que comeu alguem, algum rolo do governo, um novo escandalo, algo de futebol, alguma peituda ou bunda de silicnone, alguma nova moda alimentar ou alguma desgraça... não me lembro de muita noticia boa... lembro que ri de piadas que hoje não lembro... que vi PPS que hoje nem sei quais são... lembro de dar forward em coisas "importantes" que eu nem lembro... tomei o tempo dos outros... lembro de ter "dado risada" conversando com amigos mas no meu semblante não havia nem um sorrisinho.... (onde eu estava sorrindo? Hum?)

Enfim... hoje se eu precisar de Net fora do trabalho eu vou a uma Lan House e pago 1 real por hora e olha... 1h de pesquisa séria vc pega coisa para caramba, salva no Pen Drive e lê em casa... e olha, pesquisa séria.. quase ninguém faz... é ilusão, mentira... vc acha que esta fazendo algo importante mas na verdade está dando 50 reais por mes para uma empresa.... cuidado... vc pode mais uma evz estar alimentando a Matrix com seu sangue, afinal, pense bem,,, de onde vem 50 reais? É pouco né? Baratinho? Para uns sim e para outros não... mas pense... veio de momentos que vc deixou sua familia em casa e foi para o trabalho se relacionar com gente qe se vc for embora nem irá lembrar delas e nem elas de vc... são minuts, segundos que vc não viu seu filho.... deixou a esposa dormindo... enfim.... é de lá que veio os 50 reais... para fica com cara de "dãããã" na frente do micro esperando página carregar e quando desligar o micro vc nem lembra o pq ligou... de "tão importante" que era o que te fez ficar na frente dele enquanto sua vida corria sem vc ver....


Celular de conta
Esse é simples.. eu não preciso ligar para minha mulher para dizer: "Quer que eu leve pão"? Simples, eu levo... ou pego ela e saio para comprar (mais profundo né?)
Outra: Precisam me achar a qualquer hora.. errado!! Não precisam, aliás, eu não preciso nem atender os outros a qualquer hora.... se vc me ligar e eu nao atender pode ser que eu preferi fazer cocô em Paz do que te atender ué... direito meu certo? Sabe no que o celular é útil? Quando o alarme da casa disparou e me ligou.... e quando o eu precisar chamar a seguradora em uma estrada (se é que terá sinal naquele ponto da estrada) fora isso... sabe o destino de tal evolução? Para mim: O Lixo!

Sem MSN
Bem, se eu não preciso de coisas que me tirem da realidade o que dirá o MSN? "Oi tudo bom? E aí? Hum? Ah tá... Ah... Legal... Eu tb... Sabe como é neh... Então tá.. Tchau.. Smiles e smiles...." Besteira....

Sem Orkut
Primeiro: Todo mundo no Orkut é perfeito, lindo, feliz, sem problemas, gostosos e etc...
MENTIRA!! Não preciso de mentiras!!

É isso.

Radical? Em um primiro momento pode passar esta impressão....
Se incomodou? Então é pq vc deve achar que faz sentido... e se eu me importar com sua opinião é pq no fundo eu achei que faz sentido tb.... agora sinceramente: Neste momento estou cagando para opinião de outros... quer ver TV, Veja... vc estará certo.... não importa... se eu não quiser ver.... Não vejo.. igualmente certo apesar de oposto... isso chama-se respeito.


Quem está salvo? O evangélico que se difere como "filho" das "crituras" de Deus?
Os Hare Krishnas que se diferem de "Ter consciência de Krsna" e os que "não tem"?
Os macumbeiros?
Os Católicos?

Gente, na boa...

Tá tudo certo... todo mundo salvo... aliás, nunca ninguém esteve em perigo... está tudo bem.... vamos relaxar....

Está tudo bem.

Agora durmam

Bons sonhos!

Hã?

Acordei e agora?


Cama, foi só um sonho... dorme menino, dorme menina....

Que horas são?

13:31? Não, agora mudou o horário são 12:31 rsssss

Ah sei sei... vc com isso de novo....rs


Até mais!





Leandro Fernandes Fraceto - Um Ser Humano

"Leandro Fernandes Fraceto"

Este é o nome de uma pessoa que apareceu em minha vida, um amigo.

Este amigo foi a primeira pessoa que troyuxe algusn DVDs para eu ver.
Este amigo me trouxe livros, não só para mim mas para várias pessoas.
Este amigo não é Devoto de Krishna e pegou vários Bhagavad Gita comigo e deu para outras pessoas
Este amigo tirou fotos minha e da minha esposa e nos deu.

O comportamento dele é bem nessa linha: olha o mundo, vasculha, pega o que é belo e oferece a sociedade como quem diz: "Olha essa beleza aqui. Você tinha visto ela? Tó, é sua agora... faz o que vc quiser"


Agora olha o óbvio e curioso, sabe qual é um dos seus melhores talentos?

Ele é fotógrafo... rs

Nada mais nada menos do que alguém que olha o habitual, captura o que é belo, congela e mostra para a sociedade, ou, até mesmo, para o próprio Universo e diz: Olha que bonito... e a maioria olha e fala: Nossa... nem tinha percebido...

Pois é... Leandro Fernandes Fraceto... uma pessoa que tenho o orhulho de chamar de AMIGO.

Uma pessoa que percebe as coisas.... e compartilha.

Namastê meu Querido, Meu Amor, Meu Amigo, Irmão Profeta, Seguidor, Santo e Pecador.

Namastê!

Uma carta da esposa ao marido

"Agradeço-lhe por ter tido o privilégio de ser sua colaboradora e companheira na vida. Agradeço-lhe pelo mais perfeito casamento do mundo, baseado em brahmacharya (autocontrole) e não no sexo. Agradeço-lhe por me considerar sua igual no trabalho de toda sua vida pela Índia. Agradeço-lhe por não ser um desses maridos que passam o tempo em jogos, corridas de cavalos, mulheres, vinho e canções, cansando-se de suas esposas e filhos como um menino logo se cansa dos brinquedos infantis. Como sou agradecida por você não ser um desses maridos que dedicam seu tempo a enriquecer com a exploração do trabalho alheio!
Que agradecida estou por você haver colocado Deus e a pátria acima do suborno, porque teve a coragem de suas convicções e fé completa e implícita em Deus. Que agradecida estou por ter um esposo que colocou Deus e a pátria antes de mim. Agradeço-lhe pela tolerância a mim e às minhas limitações na juventude, quando eu resmungava e me rebelava contra as mudanças que fez em nosso modo de vida, de tanto para tão pouco.
Quando criança, vivi na casa de seus pais; sua mãe era uma grande e bondosa mulher; ela me treinou, ensinando-me a ser uma esposa valente, corajosa e a conservar o amor e o respeito de seu filho, meu futuro esposo. No decurso dos anos, à medida que você se tornava o líder mais amado da Índia, não senti qualquer dos temores que perturbam a esposa quando seu marido sobe a escada do sucesso, como tantas vezes acontece em outros países. Eu sabia que a morte nos encontraria ainda como esposo e esposa."

Kasturbai, esposa de Mahatma Gandhi

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2008

Meu cachorro me disse...

Estes dias meu cachorro chegou para mim e perguntou:

Lino - O que acontece nesse mundo? Eu estou sozinho?

Eu - Não, você não está sozinho. Você pode não perceber mas tem várias coisas acontecendo ao seu redor. Algumas criaturas vc consegue identificar mas outras não, porém, não se preocupe com isso pois, compreender este mistério não o fará melhor... apenas viva.. brinque com sua bolinha, coma, durma, marque seu território, simplesmente faça o que tem que deseja fazer.

Lino - Mas... e se eu fizer algo que o Senhor não goste, irá me condenar, me bater ou algo do tipo?

Eu - Lino, veja bem, você está no quintal... eu não ligo se você faz isso ou aquilo... na verdade... eu te Amo mas não pense você que eu fico o dia inteiro pensando em você... tenho carinho, te dou comida, saúde, casa... me preocupo... acerto umas arestas quando necessário mas.. via de regra.. pouco me importa o que vc faz ou deixa de fazer....

Lino - Entendo... o Amor não é "tudo" isso que a cachorrada fala né? O Amor pelo jeito é algo mais frio, sem calor, porém mais responsável...

Eu - Isso Lino, você está começando a entender as coisas como elas realmente são.

Lino - Mais uma coisa, posso perguntar?

Eu - Claro Lino, até porquê se não fosse minha vontade te ouvir eu não te ouviria

Lino - Ok, então me diga: O que acontece quando a gente morre?

Eu - Você é enterrado.

Lino - Mas... como?? Eu não vim de um lugar e vou para outro lugar? Eu não sou eterno? O que acontecerá comigo? Vai dizer que Einstein estava certo? Eu serei um pouco de uma planta, uma flor, uma pessoa, energia espalhada por toda a terra? Sem forma, posse ou forma reservado sob o meu dominio?

Eu - Lino, não fode..., isso eu não sei te dizer, aliás Lino, engana-se você que eu tenho resposta para tudo.

Lino - Mas... eu dependo de você...

Eu - Depender não é uma boa forma de se relacionar...eu só te dou comida, proteção, coisas do tipo... não pense que eu sou muito por causa disso... é apenas meu dever, eu escolhi ter você sob minha criação... tenho que cuidar... e as vezes faço sem pensar.. as vezes com amor e as vezes nervoso pois tenho que sair na chuva para te comprar ração... mas, tranquilo... eu também tento me aperfeiçoar....

Lino - Mas então você não sabe TUDO?

Eu - Não Lino, não sei.

Lino - Existe uma outra espécie de cachorro mais elevada que eu?

Eu - Sim Lino, há várias espécies de cachorro, umas maiores, outras menores... umas boas outras más...

Lino - Mas... nem todas as maiores devem ser boas... e se elas quiserem me fazer mal? Tô perdido??

Eu - Não Lino, para isso eu criei regras, você e a Flora estão protegidos... não se preocupe quanto a isso... tenho muros e uma série de coisas que te protegem.. você acha que o limita mas na verdade são proteções... até para mim, aliás, sendo sincero... são antes para mim e depois pensamos em você...

Lino - Entendo... por mais que Ame cachorro eu sempre virei em segundo lugar né?

Eu - Sim Lino, por mais que eu te ame tenho que pensar em mim primeiro... só assim posso te dar amor também...

Lino - Eu sou puro? O senhor é puro?

Eu - Olha, eu acredito que você seja realmente puro... percebo uma certa emoção diferente em seu olhar vez ou outra mas via de regra vejo que você é feliz... agora quanto a mim... acredito que não sou tão puro quanto você...

Lino - Mas... você é mais evoluído que eu... vc não sabe ao certo se é puro?

Eu - Vamos com calma, quem disse que eu sou mais evoluido que você?

Lino - Todos dizem

Eu - As pessoas falam muitas coisas erradas todos os dias

Lino - Verdade...

Eu - Então... não há muita diferença entre eu e você.. a diferença é que vc tem pêlos e anda de quatro e eu ando em duas pernas e tenho menos pêlos..

Lino - Você tem pêlos?

Eu - Sim, você nem tinha percebido né?

Lino - Verdade... eu fico tão entretido em marcar meu território com xixi e correr atrás da bolinha que não havia percebido que temos algumas semelhanças... engraçado...rs

Eu - Pois é... eu também acho raça nisso as vezes....rs

Lino - Bem, agor aeu cansei pois sabe como é né? Cachorro consegue prestar atenção por pouco tempo depois a mente vem e me leva novamente para marcar território e correr atrás de bolinhas, estas coisas que fazemos no autômático e temos dificuldades em vencer...

Eu - rs... tudo bem Lino, vá brincar... eu também não fixo minha atenção muito mais do que você... aliás...

Olha a bolinha!! Pega!!

(Lino sai correndo e eu fico por meia hora jogando bolinha até ele cansar ou a Flora aparecer e estragar tudo rs)


Descubra as dificuldades do amor e dos relacionamentos

- Texto de Eunice Ferrari
 
É sempre difícil e bastante complicado falar de amor e de relacionamentos, pois os temas envolvem sempre duas e, em algumas situações, mais de duas pessoas. Aprendemos muitas coisas sobre o amor, a maioria delas distantes do verdadeiro amor. Muitas pessoas, ainda em seu narcisismo, buscam desesperadamente sua alma gêmea, pois não suportam as diferenças indiscutíveis e, a meu ver, maravilhosas que existem entre todos nós.

Com todas essas regrinhas que inventaram sobre o verdadeiro amor e a melhor forma de se relacionar, conseguimos apenas frieza e separações. O amor se torna impossível com tantas regras para cumprir, sem falar no narcisismo que impera em nossa civilização. Todo amor começa a partir da atração sensual. Às vezes inventamos algumas coisas para negar essa afirmação, para disfarçar esse fato, mas indiscutivelmente esse é o fato.

No início há romance, troca de promessas (normalmente impossíveis de serem cumpridas), sedução e, como toda paixão, é carregada de irrealidade. Nessa etapa você vê apenas uma parte da pessoa, não vê sua totalidade e isso faz com que você não viva a realidade. Com o passar do tempo as duas realidades começam a se manifestar, e é aí que se inicia uma outra etapa do relacionamento: quanto mais você conhece o ser amado, mais você entra em contato com a loucura - a sua e a do outro.

Nesse momento a raiva e todos os sentimentos negativos que você abriga dentro de seu coração, começam a aflorar. Pronto, a neurose está instalada. O tempo vai passando em meio a decepções e abraços, até que cada um se torna um hábito para o outro - o romance foi embora. O que fazer agora? O que era para me fazer mais feliz começa a me fazer infeliz. É nesse momento que o amor passa pelo maior dos testes: se é de fato amor, ele sobrevive, se não ele passará.

Se o amor existir, você começa uma outra etapa e poderá amar ainda mais a pessoa que está ao seu lado. Nesse momento é preciso aceitação. O amor é na verdade a união do seu mais profundo ser com o que há de mais profundo no outro. Há uma união no plano da alma, que está além da paixão e da personalidade.

Kahlil Gibran tem um poema que diz: "Deixem que haja espaços na união de vocês. E deixem que os ventos dos céus dancem entre vocês. Amem um ao outro, mas não tornem o amor uma obrigação. Ao contrário, deixem que ele seja um mar em movimento entre as praias de suas almas."

A partir de então o amor tende somente a se aprofundar. Mas estou falando de amor, por favor, não de tempo juntos, não de aceitação de violência, invasão e desrespeito. Falo do amor que respeita os limites do outro, onde cada um tem seu próprio espaço, seu próprio gosto, sua própria vida e muitas vezes sua própria casa. Quando a invasão começa a instalar-se em um relacionamento, o amor está fadado ao fim.

As pessoas que desejam verdadeiramente a felicidade devem traçar claramente seus limites e o outro deve aceitar ou não. É isso que chamo de aceitação. Não a submissão ou obediência - isso é oposto ao amor. Somente entre duas liberdades é possível ver o amor crescer. E se ambos, amor e liberdade, puderem lhe pertencer, você conseguiu conquistar o melhor que a vida pode oferecer.

Conhecimento Verdadeiro

"O Conhecimento Verdadeiro deve estar na busca contínua e não na ilusão da resposta"

(Autor: Não me lembro... mas não sou eu)

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2008

Love is a temple, love the higher law.

"You say love is a temple, love a higher law
Love is a temple, love the higher law."

Vida Simples - Consumo consciente

A forma mais valiosa de ativismo para mudar o
mundo nesta época em que vivemos pode ser o desenvolvimento de um estilo de vida baseado em simplicidade e alegria suave. Para isso talvez seja preciso reduzir as demandas materialistas e
descobrir como viver com menos renda.

Esse processo em si já serviria para começar a
poupar recursos mundiais e, dessa forma, lidar com muitos dos prementes problemas mundiais, além de proporcionar mais tempo para dedicarmos à família
e à comunidade. Um dos mistérios mais fascinantes do comportamento humano é o processo pelo qual nos escravizamos com correntes de ouro. (...)

Acumulamos tantos dispositivos "poupadores de trabalho" que nossos empregos nos consomem 60 horas por semana, para podermos mantê-los todos em ordem( ..) É um fenômeno muito estranho.

Os automóveis, por exemplo. As primeiras propagandas de carro eram relacionadas com o ambiente do clube campestre. Mas em pouco tempo casas e centros comerciais, escolas, fábricas e escritórios governamentais já eram localizados partindo do princípio do deslocamento por meio de automóvel.

Aqueles que escolheram não possuir ou utilizar veículos foram punidos e forçados a se atualizarem
Quantas pessoas podem hoje se abster de ter carro? Claro que existem alternativas!

Podemos criar um estilo de vida mais simples,
que não apenas requeira muito menos dinheiro,
como também nos proporcione tempo para as
tarefas que realmente importam.

Podemos passar do estado de "amar as coisas
e usar as pessoas" para "amar as pessoas
e usar as coisas".

Muitos me disseram:"Oh, eu poderia facilmente viver de modo mais simples ou dedicar minha vida a uma causa em que acredito, mas isso seria injusto com meus filhos. E o plano de saúde? E sua educação
de nível superior? Não tenho o direito de limitar
suas escolhas(...)

Nossas crianças têm as mesmas necessidades
que nós temos: ter uma vida alegre e significativa. Como podemos perceber quando olhamos ao redor, nenhuma quantidade de privilégios ou fartura pode garantir isso.

O modo de darmos aos nossos filhos o máximo
de chance para que alcancem uma vida feliz e significativa é estarmos vivendo uma vida assim
com eles, e não sacrificando nossa vida pela deles.

O destino de nossas crianças está divinamente associado ao nosso. Se o chamado é para trabalharmos com os pobres, para compormos
música ou para construirmos uma casa, estes
não são fatores irrelevantes na vida dos filhos.

Se nos sentimos atraídos por uma vida mais
simples, podemos compartilhar esse
"experimento na verdade" (palavras de Gandhi)
com nossos filhos. É isso que os torna diferente
dos filhos de outros.(...)

Nos EUA a televisão se tornou uma força oposta:mesmo famílias pobres podem ter
pequenos televisores nos quartos, de modo
que mal nos socializamos com a própria família,
muito menos com a vizinhança.
Esse é um importante exemplo de que nem
sempre mais é melhor.

Em culturas nas quais as pessoas precisam compartilhar recursos limitados – televisores, ferramentas, veículos – o senso de comunidade é muito mais forte.Vimos aceitar um modelo pessoal
que nos isolou como indivíduos e prejudicou muito nossa vida familiar e comunitária.

Precisamos pensar por nós mesmos e conversar
com os amigos,e ter a coragem de tentar dar
alguns passos de modo diferente, para sair ?
da pressão.

 


Esse é um tempo apropriado para explorar
novas e antigas maneiras de viver com outros, tais como as comunidades intencionais,
co-habitações, a propriedade coletiva de
veículos e ferramentas e outras formas de
reduzir os custos dispendiosos da vida moderna.(...) Quando saímos da abstração,
vemos que o processo não requer nada mais do que alguns passos firmes na direção de uma vida mais afinada com aquilo em que acreditamos.
Eis alguns modos de começar:

1 - Elimine dívidas e fique longe delas! Fora uma habitação ou terreno, se não tiver condições de comprar algo à vista, não compre. Nunca compre nada a crédito, nem mesmo um carro.

Você descobrirá boas novidades sobre si, caso siga este conselho. Seus filhos lucrarão imensamente. Em particular, nunca se endivide para se casar ou se graduar, por smockings, becas, limusines e similares. Essa é uma maneira equivocada e horrível de expressar amor. Cria estresse e reforça visões distorcidas sobre
"a vida boa".

Celebre relações especiais com refeições improvisadas, piqueniques e outros eventos alegres, de estilo comunitário. Deixe amigos e família trabalharem juntos, como uma expressão de seu amor pelos indivíduos no centro da celebração. Isso significa muito mais do que apenas economizar dinheiro.

2 – Compre um, se desfaça de algum. Adquira o hábito de se desfazer de um item velho para cada item novo que comprar. Quer um novo sapato?
Dê - ou venda – um antigo. Quer uma nova camisa? Mesma coisa. Uma vez mais, seus filhos aprenderão muito com isso, e sua casa ficará menos amontoada.

Quando estiver pronto para reduzir ainda mais,
dê dois objetos para cada um que comprar.
É um sentimento maravilhoso não estar sobrecarregado por posses em demasia.
Essa prática também o ajuda e à sua família,
a pensar duas vezes antes de comprar.

3 – Pare de fumar e de beber – No momento em que isso está sendo escrito, mais de 60 milhões de americanos fumam. Hoje, quem fuma um maço por dia gasta cerca de cem dólares por mês,
ou 1.200 dólares por ano. Dobre essa quantia para duas pessoas na mesma família ou se você fuma dois maços por dia.

Acrescente uma quantia semelhante para cerveja, vinho ou destilados , e você poderá perceber que muita gente que talvez se considere de baixa renda ou mesmo pobre, está trabalhando cerca de um quarto de seu tempo para sustentar hábitos que encurtam a vida, enfraquecem a saúde e são um mau exemplo para os filhos.

4- Boicote para sempre as compras desenfreadas das férias! Pense a respeito de quanto de seu salário anual você gasta em presentes que quebram e enferrujam, e que nem são tão apreciados por quem os recebe.

Façam um acordo familiar de não comprarem presentes uns para ou outros nos aniversários e feriados. Que alivio! E, acredite ou não, seus amigos também sobreviverão ao choque se você estender essa atitude a eles.

Façam planos para encontrarem-se e fazerem algo juntos, em vez de corrermos até as lojas para comprar porcarias sem sentido.
Confeccionar algo por conta própria, ou preparar uma comida favorita ou sobremesa especial, sair para um passeio ou nadar, ver um filme juntos pode ser mais significativo.

Quando compramos um presente para oferecer, não é em data especial, é apenas algo que sabemos que seria perfeito para aquela pessoa, ou que já sabemos que ela precisa.
5 – Coma mais comida caseira – Comida de restaurante, comida de consumo rápido e refeições para viagem de estabelecimentos comerciais podem resultar em um surpreendente custo anual e, na sua maior parte, não são muito nutritivas.

Faça um exercício mental para descobrir como pode ser um pouco mais criativo cortar essa despesa ao menos pela metade. Levar seu almoço para o trabalho, por exemplo, ou preparar e congelar diversos jantares em um fim de semana, de modo que você tenha somente de esquenta-los durante a semana.

Além do lado financeiro, como se sente em relação aos seus hábitos alimentares? Você está se alimentando da maneira que considera a melhor, ou talvez este seja mais um exemplo de indecisão que resulta em estresse? Decida ser mais ponderado a respeito de como, o que e quando come.

Essas sugestões e práticas não são sacrifícios extraordinários. Elas são uma forma de ativismo brando, construtivo, que nos ajuda a assumir mais nossas vidas e a fortalecer os laços com nossas famílias e comunidades.

Não deixe ninguém convencê-lo de que ficou louco por adotar quaisquer dessas idéias.
Você realmente não tem nada a perder, a não
ser suas correntes douradas.
Fonte: Bo Lozoff, "Uma vida que vale a pena" - excerto retirado da Revista Planeta, ed. 369, jun.2003



--

-----------------------------------------------------------------
Consumo consciente - viver com simplicidade

"Ouvimos pessoas dizerem que estão preocupadas com o tipo de mundo que deixaremos para
nossos netos, e concordo com elas. Porém, estou igualmente preocupado com o tipo de
netos que devemos deixar para a Terra."
John A. Hoyt ( presidente-emérito) da Humane Society of The United States
-----------------------------------------------------------------


Fernando Camargo da Silva
http://safra76.blogspot.com/


Ações INDIVIDUAIS: Resultados GLOBAIS

ANTES DE IMPRIMIR, pense em sua responsabilidade e compromisso com o MEIO AMBIENTE.

Accesse http://www.clickarvore.com.br, registre-se e plante uma árvore! (É gratuito!)
Nosso planeta agradece.

"Quem não estiver pronto a ousar tudo, mesmo sem saber qual é a recompensa, também não está apto a tudo o que deseja receber".

Hoje

Hoje é um dia especial
Hoje é um instante
Todo resto já existe e já existiu
Habitamos somente o AGORA

Você acredita que hoje pode ser um dia especial?

"É hora de se libertar, não vai doer!!"

:o)))))))))))))))))))))0

Cotidiano - Um Câncer a ser Vencido

Impressionante

Impressionante como o cotidiano, a rotina, os pensamentos "default" tomam conta da Essência do Ser.
Impressionante como as pessoas se diminuem e diminuem os outros com a sua vontade, seus critérios, sua vida, suas escolhas.
Impressionante como julgam, criticam e não se permitem sequer aceitar a alegria, o "deixar fluir" dos outros...

Imagina o que estas pessoas fazem consigo mesma?

Eu mesmo, deixando que isso me abale, o que é isso?

Bem, vou parar de reclamar... quero ir para a Praia e vou de Alto Astral...

Sol, Luz, mar, Água Salgada, Deus, é isso que define: DEUS!!!!!! Transpirando, fluindo, perto, dentro, Unicidade, Unidade...

Somos Todos Um Só!

Amemo-nos! (Existe esse termo?)


Uhuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu!

Om!


--
Fernando Camargo da Silva
http://safra76.blogspot.com/

Ações INDIVIDUAIS: Resultados GLOBAIS
http://www.discoverybrasil.com/descubraoverde/

ANTES DE IMPRIMIR, pense em sua responsabilidade e compromisso com o MEIO AMBIENTE.

Accesse http://www.clickarvore.com.br, registre-se e plante uma árvore! (É gratuito!)
Nosso planeta agradece.

"Quem não estiver pronto a ousar tudo, mesmo sem saber qual é a recompensa, também não está apto a tudo o que deseja receber".

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2008

Muito bonita

Não se adimire se um dia
Um beija-flor invadir
A porta da tua casa
Te der um beijo e partir

Fui eu que mandei o beijo que é pra matar meu desejo
Faz tempo que eu não te vejo
Ai que saudade docê

Se um dia vc se lembrar
Escreva uma carta pra mim
Bote logo no correio
com frases dizendo assim:

"Faz tempo que eu não te vejo"...
"Quero matar meu desejo"...
"Aqui que saudade sem fim"...


E se quiser recordar aquele nosso namoro
Quando eu ia viajar você caia no choro
Eu ia chorando na estrada mas o que posso fazer
Trabalhar é minha sina
Eu gosto mesmo é "docê"

(...)

Obs: Ô musiquinha bonita "sô" :o)

--
Fernando Camargo da Silva
http://safra76.blogspot.com/

Ações INDIVIDUAIS: Resultados GLOBAIS
http://www.discoverybrasil.com/descubraoverde/

ANTES DE IMPRIMIR, pense em sua responsabilidade e compromisso com o MEIO AMBIENTE.

Accesse http://www.clickarvore.com.br, registre-se e plante uma árvore! (É gratuito!)
Nosso planeta agradece.

"Quem não estiver pronto a ousar tudo, mesmo sem saber qual é a recompensa, também não está apto a tudo o que deseja receber".

Eu ria...

"Ê boi ê boi ê boi
Quem ficará quem foi
Ê bumba iê iê
Eu também já fui boi

A lua clareou no terreiro
berreiro eu parei pra escutar
e abri a janela do mundo
Eu ria na noite vazia
Eu via mas crer eu não cria
Um saco de vento fechado
E o tempo parado no fundo

Morena vem cantar a toada
Zoada eu cansei de escutar
Cinema onde a luz não se Esconde
Quem sabe o olho acusa
E a blusa da musa me veste
Amor palavra sem uso
Vacina da peste

Ê boi ê boi ê boi
Quem ficará quem foi
Ê bumba iê iê
Eu também já fui boi..."

Ê Boi - Zeca Baleiro

--
Fernando Camargo da Silva
http://safra76.blogspot.com/

Ações INDIVIDUAIS: Resultados GLOBAIS
http://www.discoverybrasil.com/descubraoverde/

ANTES DE IMPRIMIR, pense em sua responsabilidade e compromisso com o MEIO AMBIENTE.

Accesse http://www.clickarvore.com.br, registre-se e plante uma árvore! (É gratuito!)
Nosso planeta agradece.

"Quem não estiver pronto a ousar tudo, mesmo sem saber qual é a recompensa, também não está apto a tudo o que deseja receber".

terça-feira, 12 de fevereiro de 2008

Liberdade

Idéias que me ajudam a libertar:

- Tudo é Material e Eu Sou Eterno, a Alma... (já pensei muito nisso...)
- Tudo é Ilusão... portanto eu tb sou Ilusão, que diferença faz?
- Deus criou tudo, desdenhar da Matéria e do Sexo como a maioria das religiões o fazem não é desdenhar da Obra de Deus?
- Resistir a alguma coisa me traz o que procuro? No momento que estou "P" da vida não é melhor soltar a raiva e aprender com ela? saborear a dor e a delícia da raiva? Só assim posso (ou não) desejar (ou não) repetir esta experiência (ou não) mas.. conter a raiva não me traz Paz e sim Rancor e mais Raiva... Traz frustração... e experimentar a raiva é pagar um preço as vezes alto mas verdadeiro e dificilmente desejo a experimentar novamente.... Frasezinha feia mas cabível: "É melhor colocar um balde na goteira ou subir na laje, arrumar o telhado, secar a lage, vedar, descer da laje, cimentar a trinca e passar a tinta?" Dá mais trabalho né? Todo mundo prefere a hipocresia de dizer: "Eu resisto a raiva"... e consequentemente além de tudo que coloquei acima a pessoa começa a se achar melhor que outros, "mais iluminado" que outros.... Mentira! Hipocrisia... (é o que EU penso... Hoje... Ok? Tenho toda liberdade de amanhã colocar um post colpletamente diferente)

As religiões dizem: "Celibato", "Sexo com Amor"... "Quando se alcança a Luz se 'cospe' no desejo sexual"... desculpem-me mas.. quanta estupidez.... O que penso? Transe, meta, foda, mas jamais "Necessite" disso... faça sempre com camisinha, veja sempre sua evolução... veja se quer ser escravo do seu pinto ou da sua periquita ou se deseja a liberdade... e assim, nesse exercício... eu vejo que as chances de encontrar o Amor e até mesmo chegar ao ponto de NÃO DESEJAR SEXO (o que é diferente de não o fazer) se torna possível... suas chances irão aumentar.. a medida que vc conhece Quem Você Realmente É.

- Religue-se a Deus contantemente.... Minha opinião: Jamais esteve desligado... Você é Deus, Deus é Você, No Fundo Somos Todos Uma Coisa Só.

- Temer a Deus - Me desculpem mas... que idiotice... como ter medo de alguém que Amo, Desejo, Sinto, Como????

- Não faça coisas erradas.... E alguém faz coisa errada em Sã Consciência? Se o faz é pq não sabia e se não sabia achava que era bom, portanto, o mal não existe... o que existe é o julgamento da sociedade, a não compreensão dos outros e etc... lembrem-se que já foi certo queimar o povo na fogueira rs... hoje não é... patético né? Ah, por falar em patético vamos a umas considerações:

"Deus fez o Mundo e Ele É Perfeito".. todo mundo concorda? Então pq as pessoas dizem que tem coisas erradas no mundo? está TUDO CERTO! Não há nada errado.... relaxemos quanto a isso.... O que existe somos Nós responsáveis por nossa existência, experiência aqui na Terra... Só isso... sejamos responsáveis.... e respeitemos uns aos outros... deixemos cada Um Ser O Que Realmente É.

Não concorda? então me diz, vc acham que Deus tem uma cabecinha pequenina que só funciona com "Certo e errado", "Luz e escuridão", "Em cima e embaixo"? Definitivamente não...

Olha que engraçado... entre a linha de cima e essa devem ter uns 30 minutos de intervalo e neste momento acabei de ganhar uma bíblia de um amigo meu.... Lindo isso né? Coincidência? Acho que não...

Enfim, minha "INTENSIDADE" nas linhas acima diminuiu dempois de conversar com esse meu amigo.

Para concluir: Tudo está certo, da doença a cura, do nascimento a morte... tudo está perfeitamente em seu devido lugar.

Sejamos mais responsáveis.

Om!

Assinado: O Espelho.

Sidarta - Um pouco do que li e do que Me Permeia Hoje. Hoje.

" Sidarta percebeu-o e sorriu:
— Acerca-te de mim! — soprou ao ouvido de Govinda.
— Inclina-te mais! Mais ainda. Chega-te para bem perto de
mim! E agora me dá um beijo na testa, ó Govinda!
Govinda pasmou-se, mas, atraído por sua grande afeição
e por algum pressentimento, obedeceu ao desejo de Sidarta.
Achegando-se a ele, imprimiu-lhe os lábios na fronte. E nesse
instante aconteceu-lhe qualquer coisa singular. Enquanto os seus
pensamentos ainda se detinham nas palavras estranhas, proferidas
por Sidarta; enquanto seu espírito se esforçava, relutante e improficuamente,
por eliminar o tempo e por representar-se a unidade
de Nirvana e Sartsara; enquanto no seu íntimo certo desdém
pelas opiniões do amigo se debatiam com irrestrita ter.
Govinda já não enxergava o semblante de Sidarta, seu
companheiro. Em vez dele via outros rostos, inúmeros, toda uma
fila, uma torrente de rostos, centenas, milhares, que todos eles
apareciam, sumiam e todavia davam a impressão de estar presen-
tes simultaneamente, rostos esses que a cada instante se modificavam
e renovavam e, contudo, eram sempre Sidarta. Via a
cabeça de um peixe, uma carpa, com a boca semi-aberta em
infinita dor, peixe agonizante, de olhos vidrados. Via o rostinho
de uma criança recém-nascida, vermelho, enrugado, a ponto de
chorar, Vía a fisionomia de um assassino, no momento em que
varava com a faca o corpo de sua vítima e, ao mesmo tempo,
via esse criminoso a ajoelhar-se, algemado, para que o algoz
o decapitasse com um só golpe de terçado. Via Os corpos desnudos
de homens e mulheres, entrelaçados em posições e embates
de desvairado amor. Vía cadáveres prostrados, imóveis, gélidos,
vazios. Via cabeças de animais, de javalis, crocodilos, elefantes,
touros, aves. Via divindades, Crisna, Agni... Via todos esses
vultos e rostos ligados entre si por milhares de relações, cada
qual a acudir o outro, a amá-lo, a odiá-lo, a destruí-lo, a pari-lo
de novo. Cada qual expressava o desejo de moarer, era apaixonada
e dolorosa a profissão de efemeridade e, no entanto, não
morria, apenas se modificava, renascia uma e outra vez, tomava
aspectos sempre diversos, sem que o tempo se intercalasse entre
uma e outra configuração. E todos esses rostos repousavam,
flutuavam, geravam-se mutuamente, esvaíam-se e confundiam-se.
Mas por cima deles, sem exceção, estendia-se uma camada fininha,
irreal e todavia existente, qual tênue chapa de vidro ou
de gelo, camada transparente, casca, molde, máscara de água.
Pois, essa máscara morria, e essa máscara era o rosto risonho de
Sidarta, que ele, Govinda, nesse momento, tocava com os lábios.
E Govinda percebeu que esse sorriso da máscara, o sorriso da
unidade acima do fluxo das aparências, o sorriso da símultaneidade
muito além do sem-número de nascimentos e mortes,
o sorriso de Sidarta, era idêntico àquele sorriso calmo, delicado,
indevassável, talvez bondoso talvez irônico, de Gotama, o Buda,
tal como ele próprio o observara centenas de vezes com profundo
respeito. Era assim — Govinda o sabia — que sorriam os seres
perfeitos,
Tendo perdido a noção do tempo, já não sabendo se aquela
visão durava um segundo ou um século, ignorando se já existiam
Sidarta, Gotama, o eu e o tu, com as entranhas como que atravessadas
por uma seta divina, cuja ferida tivesse doce sabor,
com a alma enfeitiçada e confusa, detinha-se Govinda por mais
alguns instantes. Inclinava-se por sobre o rosto plácido de
Sidarta, no qual vinha de depositar um beijo, e que acabava
de ser o cenário de todas aquelas formas, evoluções e existências.
O semblante não se modificara, depois que, sob a sua superfície,
tomara a fechar-se o abismo da infinita multiplicidade. Sorria
silenciosamente, suavemente, ternamente, talvez com bondade,
talvez com ironia, assim como outrora sorrira o Sublime.
Govinda curvou-se em genuína reverência. Lágrimas de
que não se dava conta corriam-lhe pelas faces idosas. No seu
coração ardia, qual fogo, o sentimento de caloroso amor e de
submissa veneração. Profundamente, até ao chão, inclinou-se
Govinda diante de Sidarta, que se conservava sentado, imóvel,
e cujo sorriso chamava à memória do amigo tudo quanto ele
amara no curso da sua vida, tudo quanto já se lhe afigurara
precioso e sagrado.  "

--
Fernando Camargo da Silva
http://safra76.blogspot.com/

Ações INDIVIDUAIS: Resultados GLOBAIS
http://www.discoverybrasil.com/descubraoverde/

ANTES DE IMPRIMIR, pense em sua responsabilidade e compromisso com o MEIO AMBIENTE.

Accesse http://www.clickarvore.com.br, registre-se e plante uma árvore! (É gratuito!)
Nosso planeta agradece.

"Quem não estiver pronto a ousar tudo, mesmo sem saber qual é a recompensa, também não está apto a tudo o que deseja receber".

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2008

E-Mail Goura - Lembranças

Aqui vai um e-mail que encontrei em meu computador que mandei para Uma Grande Alma que gosto de ler... mandei há quase um ano atrás logo após ler o Manifesto Alternativo no site do Goura (www.goura.com.br)

( ... )

Bom dia Purushatraya Swami!

Há poucos anos atrás ( aproximadamente 2 anos ) iniciei a minha "paquera" com a espiritualidade e mentalidade de Krishna. Procurei por diversos lugares ( frequento Nova Gokula aos domingos ) e lá encontrei através de pura sensibilidade ( pois não entendo muitas coisas apesar de ler muito sobre ) muita paz no meu coração e meu espírito. No ritual que ocorre domingo as 18h é indescritível a sensação de Plenitude que sinto e sempre senti... o astral realmente me inunda e meus olhos quase transbordam toda vez que vou, o que está cada vez mais frequente.

Ontem comecei a ler seu Manifesto Alternativo ( http://www.goura.com.br/manifesto_alternativo.htm ) e o fiz com muita atenção. Sua consciência e equilibrio entre razão e emoção, entre idealismo e viabilidade me encantou e pode ter certeza que me trouxe um universo de respostas e um universo de novas dúvidas que particularmente são as dúvidas que temperam minha vida.... cada uma que resolvo é de um degustação Divina, enfim, minha Experiência de Crescimento.

Hoje tenho 30 anos, quase 31, sou casado, sem filhos por enquanto e por necessidade estou cada vez mais me conectando a mim mesmo e vejo que quando me conecto a Quem Realmente Eu Sou me conecto a uma Força Superior que chamo de Deus, não sei se é ignorância ou não mas tb o chamo de Krishna... Cada vez que consigo olhar para dentro e O sentir me sinto Pleno, enfim, é de um gozo pleno e lindo, o qual viver sem Ele esta cada vez mais sem sentido.

Gostaria de saber mais de vocês, como funcionam, pedir conselhos de como posso ir estudando mais, me preparando mais para naturalmente me inclinar para uma vida próxima a mim, a natureza ( que eu chamo de Plano Original ) enfim, em contato com tudo que é Grande, que me cerca e me completa mas ainda passo tanto tempo distante interpretando papéis neste "Teatro Mágico" urbano/ corporativo que ainda vejo...

Li seu manifesto e me diverti quando disse que a juventude hoje não se opõe a nada, simplesmente se molda...rs... é engraçado, pois penso que minha geração foi a última que queria "fugir de casa", "brigar na rua", "matar aula"...rs... são todos exemplos aparentemente negativos mas são exemplos de total liberdade, de busca e de acreditar em si, experimentar a si mesmo e concluir... e hoje não, parece que se moldam ou se frustram e deprimem mas sequer se revoltam, o que dirá procurar novos caminhos pacíficos e superiores de convivencia social, relacionamento e etc... enfim

Este é o apelo de um eterno apaixonado que quando se moldou a valores externos quase ficou doido... hoje, procurando Minha Verdade as vezes sou visto como doido, mas acredito que nunca estive tão São rs.. quando for possível me mande textos ou algo do tipo.... vou ver com minha esposa de ir visitar vocês, enfim, estou "piscando o olho" para dar chance de no futuro esse relacionamento se solidificar

PS: Se não me engano o membro da comunidade de vocês chamado Acyutananda das estava no Nova Gokula este domingo.... se for ele mesmo ele deve se lembrar de mim pois eu era o úncio de 2,05 metros de altura que estava lá com a familia, minha afilhada dormia em meu colo no momento que ele passou o fogo e a água por nós e em nós... talvez ele se recorde...

Um forte abraço em você, em seu coração e em sua boa alma que divide comigo esse breve turismo na bolinha azul

NAMASTÊ!

--
Fernando Camargo da Silva
http://safra76.blogspot.com/

Ações INDIVIDUAIS: Resultados GLOBAIS
http://www.discoverybrasil.com/descubraoverde/

ANTES DE IMPRIMIR, pense em sua responsabilidade e compromisso com o MEIO AMBIENTE.

Accesse http://www.clickarvore.com.br, registre-se e plante uma árvore! (É gratuito!)
Nosso planeta agradece.

"Quem não estiver pronto a ousar tudo, mesmo sem saber qual é a recompensa, também não está apto a tudo o que deseja receber".